Orientações para ganho de peso

Orientações para ganho de peso

Nem sempre comer de tudo e em grande quantidade é a melhor maneira para se obter um aumento de peso. Ganhar alguns quilos pode ser ainda mais difícil do que emagrecer. É preciso ter cuidado para não adquirir gordura, mas sim aumentar a massa muscular.

O ideal é planejar uma reeducação alimentar, que ajude você a fazer as escolhas certas, uma alimentação saudável e variada.

Veja abaixo algumas dicas:

  • Coma sempre devagar e mastigue bem os alimentos, para que os nutrientes possam ser melhor absorvidos  pelo organismo;
  • Não coma assistindo televisão, lendo revista ou jornal;
  • Faça de (04) quatro à (06) seis refeições por dia;
  • Evite ficar sem se alimentar por mais de 3 horas, só assim irá atingir o valor calórico que precisa durante o dia;
  • Faça sempre um lanche entre as principais refeições;
  • Prefira pão integral ao branco, por ser rico em vitaminas do complexo B, que auxiliam no metabolismo dos carboidratos melhorando a produção de energia;
  • Consuma alimentos bem concentrados como: sopas grossas, pirões e cremes bem mexidos ou caldos suculentos;
  • Consuma frutas secas como: uvas passas, ameixas, bananas, etc…;
  • Reforce sempre a alimentação com mais carboidratos, cereais, legumes, arroz, massas, leite e derivados, carne, ovos e proteínas;
  • Evite o consumo de alimentos com alto teor de gordura saturada (gordura animal) e também as frituras e os refrigerantes;
  • Não consuma sal em excesso, ele aumenta a retenção de líquidos;
  • Os doces também são compostos por carboidratos, mas em geral, também são ricos em gordura saturada e colesterol, que em longo prazo, podem elevar o colesterol;
  • Use e abuse das frutas, verduras e legumes, além de fornecer fibras, são esses grupos que fornecem muitas vitaminas essenciais para o bom funcionamento do corpo; frutos oleaginosos como castanha-do-pará, nozes, amendoim e amêndoa podem ser incluídos nos lanches durante o dia;
  • Prefira o azeite de oliva, por exemplo, à manteiga ou margarina. O azeite de oliva apresenta menor quantidade de gordura saturada, além de maiores quantidades de gordura monoinsaturada, que auxilia no aumento do HDL colesterol (comumente chamado de “bom” colesterol).
  • Inclua nos lanches, entre as refeições, alimentos como: 1 banana ou 1 xícara de cereais ou 1 xícara de leite integral ou 2 torradas ou 1 colher de sopa de geléia ou 1 copo de vitamina de frutas e leite ou 1 pão com queijo ou 1 barra de cereais.

As vitaminas cumprem papel fundamental no ganho de peso. As vitaminas do complexo B são fundamentais. É comum encontrar baixo peso em indivíduos com deficiência de vitaminas e sais minerais – e o complexo B supre essa necessidade. O apetite costuma aumentar com a suplementação de vitamina B. Além disso, elas fortalecem o corpo e promovem bem-estar, ajudando a manter a saúde da pele, do cabelo, do figado e dos olhos.

Substâncias que aumentam o apetite como o Carnabol também podem ser utilizadas à critério médico, sempre com avaliação e indicação clínica. Ele também ajuda na absorção de proteínas e vitaminas do complexo B pelo corpo e atua estimulando o apetite o que aumenta a quantidade de calorias ingeridas diariamente.

Incluir vitaminas com frutas e shakes na dieta para engordar também é uma boa opção para quem quer ganhar peso. Uma opção hipercalórica para tomar no café da manhã é com banana e aveia, mistura que ajuda a aumentar a ingestão de calorias saudáveis e proporciona mais disposição.

A prática regular de exercícios físicos também faz parte da dieta para engordar, contribuindo ainda para melhorar a forma física.

Nesse caso, a melhor atividade a se fazer é a musculação, pois além de ajudar a queimar gorduras, também estimula a produção e o aumento de massa muscular.

Vale lembrar que é indicado sempre ter orientação e acompanhamento profissional, para que o treino seja criado de acordo com as características e objetivos de cada pessoa.

Endocrinologista RJ - Luciana Spina

Por: Dra. Luciana Spina

Luciana Spina é Médica Doutora em Endocrinologia, Especialista em Endocrinologia pela SBEM, premiada e reconhecida internacionalmente.

2018-06-29T13:09:34+00:00 2 de julho de 2018|Dicas de saúde|